Mittwoch, 8. Februar 2012

Meu querido Govi,

1,2,3...testing! O que eu queria mesmo era escrever-te um Diário, com a minha letra. Algo que nao só ajude a passar o tempo, (embora contigo, ele passe tao depressa) mas também para deixar registadas memórias que se vao perdendo. Ao mesmo tempo, faz-me bem a escrita permanente em portugues, nunca te esquecas da importancia do nosso património linguístico que devemos cultivar com orgulho. Faco questao que um dia mais tarde, tenhas o prazer de ler na nossa língua materna as aventuras pelas quais tu e eu vamos passando nos primeiros tempos da ua existencia, desde as noites em branco até todas as vezes - sem conta - em que, por exemplo, eu te dou beijinhos na barriga derretendo-me distraída com as tuas mil e uma expressoes de bebé lindo, e tu decides brindar-me com o teu chichi em repuxo da tua pilinha de 26 milímetros. Todas estas coisas merecem ficar registadas, pois as alegrias que me dás sao tantas que nao cabem na minha cabeca de passarinho. E o tempo nao perdoa. É, de facto, assustadora a velocidade a que cresces.
Voltando à primeira frase, escrever um diário à mao é coisa que exige muito mais tempo do que aquele que tu actualmente me queres dar! E porque nao gosto de rasurar o que escrevo, optei pela versao digital em vez da manuscrita, que com certeza te será imensamente familiar, tendo em conta a época em que vieste ao mundo. Um diário manuscrito teria muito mais charme, mas talvez perdesse na qualidade semantica e pragmática. Perdoar-me-ás, com certeza... e talvez agradecer, porque na verdade, a minha caligrafia já perdeu a exuberancia dos cadernos de duas linhas. E assim, tens direito a páginas com uma escrita transparente sem gatafunhos nem gotas daquelas que molham a escrita, sabes, aquelas do saco lacrimal... :)

Kommentare:

  1. Óptima! A ideia foi excelente e corresponde sem dúvida ao desejo que já te havia manifestado por mais de uma vez para que aproveitando os teus dotes de escrita espontânea e bem construída, voltasses ao teu blogue antigo ou, em alternativa, escrevesses sobre algo! Perdoa-me porém uma sugestão: se queres transmitir ao "Govi" uma ortografia correcta, deves procurar resolver um constrangimento que o teu teclado alemão te impôe: o dos sinais gráficos! Acho que podes alterar essa situação na própria configuração ou, em alternativa, adquirir um teclado luso! Para confusão, já basta o famigerado (des)Acordo Ortográfico...

    AntwortenLöschen